A Festa em honra a São Judas Tadeu, realizada dos dias 25 a 29 de outubro, foi ocasião de enormes graças tanto para os que dela participaram quanto para os que a promoveram. Colocamos abaixo pequenos fatos –  alguns extraordinários! – ocorridos durante a Festa, para que todos possam participar de alguma forma das bênçãos e graças dispensadas a rogos de São Judas, durante as comemorações .

 

Uma das paroquianas, Da. Regiane Soares da Silva, que auxiliou nos preparativos para a festa dizia: “Estava tudo muito organizado, havia muita união entre todos nós, a comunidade se entende e há muitos que desejam se dedicar. A Capela está ficando linda; a todos os que pedíamos auxílio comentavam a graça que significa para o bairro ter uma capela tão bela, abençoada e cheia de atividades!”

Magali Aparecida da Silva Almeida testemunha que sempre nos tríduos em honra ao Santo recebe graças. Há seis anos implorou por seu esposo que estava desempregado. São Judas conseguiu-lhe um excelente emprego, no qual permanece até hoje. Neste ano, ao começar o tríduo pediu ao Santo por um parente próximo que passava pela mesma dificuldade, recebendo, logo após encerrar o tríduo, um telefonema com a notícia de que ele acabava de conseguir um novo emprego.

O jardineiro M. M. conta que sua esposa N., completamente afastada da Igreja Católica, tendo aversão até mesmo de entrar numa igreja, pois professava outra religião, foi com o neto ao almoço da massa. E convidada a conhecer a Capela São Judas Tadeu se maravilhou. Esta senhora tinha, no dia seguinte, segunda-feira, dia 30 de outubro, uma cirurgia marcada para a remoção de um câncer nos rins. Ao chegar ao hospital, o médico fez um novo exame para certificar-se da localização exata do tumor, mas qual não foi a sua surpresa ao nada encontrar. Refazendo o exame, novamente nada encontrou. Outro médico refez o exame e não detectou nada de anormal. O curioso foi que ela já havia passado por cinco especialistas, conta-nos o esposo, e todos haviam sido unânimes no diagnóstico. Diante deste acontecimento, o fervoroso paroquiano não poderia deixar de atribuir a milagrosa cura ao Santo das causas impossíveis, afirmando: “Agora minha esposa é outra pessoa, não está mais depressiva, está feliz, graças a este milagre de São Judas Tadeu!”

Também a Sra. Maria de Lourdes Macedo, moradora da cidade de Guarulhos, mas que todos os domingos não deixa de ir à Capela com a família, afirma: “A festa foi maravilhosa, realmente o Pe. Alex e os Arautos foram postos por Deus e Nossa Senhora em minha vida. Sou muito grata, minhas filhas agora buscam muito mais a fé. Encontrei aqui o que não encontrei fora, sentimos que quando fazemos as coisas por amor, fazemos com alegria; a gente se entrega muito mais”.